Alimento da estação: damasco

Fibras, vitaminas, minerais e muito sabor fazem da fruta uma aliada da dieta

BlogDB02 (5)

Parente do pêssego, o damasco segue o seu “primo” e passa a ser visto com mais frequência durante as festas de fim de ano. Mas esta fruta pequena e um pouco azedinha costuma fazer sucesso muito além da ceia: ela é a queridinha das pessoas que estão controlando o açúcar da dieta.

Saborosa, ela ajuda a diminuir a vontade de comer doces e chocolates e ainda traz diversos benefícios para a saúde – o damasco é rico em fibras, contém poucas calorias e é altamente nutritivo. Traz consigo potássio, ferro, magnésio, fósforo e vitaminas A, B3, B9, B5, C, E e K, além de uma grande quantidade de ácido fólico. O ácido fólico é importante especialmente para as gestantes – é ele quem ajuda a impedir más formações fetais e abortos espontâneos.

Juntos, todos estes nutrientes e substâncias ajudam a reduzir os riscos de diabete tipo 2 e de ataques cardíacos, além de cuidar do sistema imune, baixar a pressão arterial e evitar o acidente vascular cerebral. Combate a anemia e infecções, ajuda a diminuir cólicas menstruais e diminui o risco de doenças da visão. Por conter o antioxidante betacaroteno, ainda previne o câncer.

O damasco fresco pode ser consumido ao natural ou usado na preparação de mousses, cremes e geleias. O damasco seco também pode ser consumido puro ou ser usado como ingrediente de cremes, recheios, sorvetes e charlottes, enquanto o damasco em calda fica ótimo na preparação de pavês e tortas. Aproveite!

Tags:, ,