Arquivo para categoria: Giro na saúde

Doença celíaca

Cresce diagnóstico da doença em adultos.

A população brasileira tem cerca de 1% de portadores da doença celíaca, também chamada de intolerância ao glúten, proteína presente no trigo, na cevada, na aveia e no centeio. Entre os mais atingidos estão as mulheres e o diagnóstico da doença em adultos vem crescendo nos últimos anos.

Segundo um estudo realizado pela Associação dos Celíacos do Brasil, com cerca de 500 associados, em 28,7% dos participantes os exames confirmaram a doença, sendo a maioria do sexo feminino – proporção de 2 mulheres para 1 homem. A idade média do diagnóstico foi a faixa dos 16 anos para o sexo masculino e 26,7 para o sexo feminino. Estes resultados apontam para uma tendência de diagnóstico da doença celíaca em idades mais avançadas, especialmente entre as mulheres, e sugerem a necessidade de mais esclarecimentos para o público e classe médica quanto ao seu correto diagnóstico e .

Ao ingerir um alimento com glúten, o celíaco desenvolve uma reação imunológica no intestino delgado que causa a destruição das vilosidades da mucosa, dobras responsáveis pela absorção de nutrientes, vitaminas, sais minerais e água. Os sintomas da doença celíaca são diarreia crônica acompanhada de distensão abdominal, perda de peso, alteração do humor e anemia. A doença nem sempre é facilmente diagnosticada, já que os sintomas podem aparecer de forma branda ou agressiva e, por se tratarem de reações comuns a outras doenças.

A retirada dessa proteína da dieta pode melhorar o quadro e/ou contribuir para o desaparecimento dos sintomas. O consumo de alimentos que contenham glúten por paciente que ainda não foi diagnosticado com a doença celíaca pode desencadear um processo inflamatório. Por isso, os sintomas não podem ser desprezados.

Como o diagnóstico nos casos com poucos sintomas é considerado difícil, a investigação da doença deve ser criteriosa. É preciso se submeter a exames precisos para que haja comprovação suficiente. Entre os métodos de diagnóstico, estão a sorologia para antitransglutaminase IgA, anticorpo antiendomísio IgA e anticorpo antigliadina, além de biópsia do intestino.

Bebês aprendem cantigas de ninar ainda no útero

Segundo estudo, tocar músicas durante a gravidez ajuda o feto a desenvolver a audição

BlogDB01 (6)

A ciência já havia sugerido que conversar com o bebê que ainda está na barriga da mãe e colocar músicas calmas no ambiente ajudam o feto a se desenvolver melhor, mas recentemente outra descoberta reforçou os benefícios do som para a criança – ela ajuda a desenvolver a sua audição e seu aprendizado. Leia Mais

Dia Nacional da Mamografia é mais um alerta para a prevenção do câncer de mama

Exame é a melhor forma de detectar a doença ainda no começo

blogOutros

O Dia Nacional da Mamografia é comemorado desde 2008 no dia 5 de fevereiro, isto graças a um projeto de lei aprovado pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania. A data foi escolhida a dedo: é o dia em que os católicos festejam Santa Ágata, protetora contra as doenças mamárias e padroeira dos mastologistas. E, considerando que apenas um dia antes é comemorado o Dia Mundial do Câncer, esta é a melhor hora para divulgar a importância de marcar os exames para prevenir ou detectar a doença precocemente. Leia Mais

Bafômetro especial diz se você está emagrecendo de verdade

Companhia japonesa cria aparelho que procura traços de acetona no hálito

BlogDB01 (4)

A princípio, o título e o subtítulo do texto podem confundir muita gente – afinal, bafômetro não mede o álcool no organismo? Acetona não é algo que faz parte de alguns removedores de esmalte? Mas a notícia é exatamente esta: japoneses inventaram um tipo de bafômetro que, através da acetona, pode dizer se a sua dieta e o seu esforço estão dando resultados. Leia Mais

Gestantes que fazem exercícios físicos estimulam o cérebro do bebê

Vinte minutos de exercícios físicos, três vezes por semana, já são suficientes

BlogDB02

Ninguém recomenda a malhação pesada para uma mulher que está grávida, mas exercícios leves fazem bem sim – tanto para a mãe quanto para o bebê. Além de manter a saúde em dia e evitar engordar demais nesta fase, a gestante que pratica alguma atividade física está ajudando a desenvolver o cérebro do bebê ainda no útero. Leia Mais

Pesquisa estabelece o melhor horário para tomar café

Cientista conclui que o melhor momento para um cafezinho é às 10h30

BlogDB01

Para a maioria das pessoas o dia só começa de verdade após uma xícara de café forte. O costume é acordar e já preparar a cafeteira para mandar o sono embora a tempo de chegar ao trabalho, mas um neurocientista afirmou que é melhorar esperar mais um pouquinho. Leia Mais

Cientistas descobrem gene “faltando” em crianças autistas

Descoberta pode ajudar a entender o desenvolvimento da condição

BlogDB02 (2)

O autismo é uma disfunção global do desenvolvimento que afeta a capacidade do indivíduo de se comunicar e de socializar. Calcula-se que este problema afeta 1% da população e, mesmo com tantos estudos, pouco se sabe sobre ele – pelo menos até agora. Leia Mais

Consciência ativa

Pessoas que ficam muito tempo sem comer podem desmaiar? Por quê?

delboni-mitos-corte

Pessoas que ficam muito tempo sem comer podem desmaiar? Por quê? Muita gente pensa que é por conta do baixo nível de açúcar no sangue, mas isso não é verdade! Já ouviu falar do reflexo vasovagal?

Para responder a essa e outras dúvidas, conversamos com nosso Diretor Médico e cardiologista, Dr. Rafael Munerato:

Quanto tempo de jejum é necessário para uma pessoa desmaiar?

A maior parte das pessoas acredita que o desmaio acontece devido à diminuição dos níveis de glicose no sangue, mas na maioria das vezes isso não é verdade. Em pessoas saudáveis e que não usam medicações hipoglicemiantes é necessário muito tempo de jejum (em geral alguns dias) para os níveis de glicose baixarem ao ponto de causar o desmaio. Isso porque o nosso organismo possui inúmeros mecanismos para manter os níveis de glicose basal mesmo em jejum prolongado.
Em resumo, a maioria das pessoas que desmaiam depois de algumas horas em jejum é devido ao chamado reflexo vasovagal.

O que é o reflexo vasovagal?
O reflexo vasovagal é o nome dado a um efeito reflexo que ocorre pelo estímulo em alguns órgãos que ativam o nervo vago – um nervo periférico que faz parte do sistema nervoso autônomo parassimpático. A estimulação desse nervo provoca no sistema cardiovascular a diminuição da frequência cardíaca e da pressão arterial. Se esses efeitos forem acentuados a pessoa desmaia pela bradicardia (diminuição da frequência cardíaca) e/ou hipotensão (pressão arterial baixa).

Por que isso ocorre?
O que ocorre, na verdade, é que o estômago vazio começa a ter peristaltismo (movimentos involuntários), e a contração do estômago vazio leva ao estímulo do nervo vago e desencadeia o reflexo.

A desidratação ajuda 
a provocar desmaios?

O grau de hidratação influencia muito esse processo. Se a pessoa estiver desidratada, a queda da pressão arterial será mais acentuada, e o desmaio mais provável.

(Texto publicado originalmente na Revista Delboni Auriemo. Você pode fazer o download para iPad neste link (http://bit.ly/XIXQER) ou retirar sua versão impressa em qualquer Unidade de Atendimento do Delboni (http://bit.ly/XIXNc2).)

Janela iluminada

Como foi descoberto o DNA?

delboni-dna-corte

Há 60 anos, James Watson (1928) e Francis Crick (1916-2004) decifravam a estrutura de dupla hélice do DNA – composto que guarda as informações genéticas do indivíduo. Em laboratório, primeiro tentaram construir um modelo de arame e metal com três hélices de DNA, mas foi somente analisando a famosa Foto 51, nome dado à primeira experiência que tornou possível visualizar a estrutura do composto, produzida por Rosalind Franklin (1920-1958), que os dois puderam chegar ao modelo correto.

Uma descoberta fantástica, que não se baseou em nenhum experimento próprio, mas na correta interpretação de dados obtidos por outros pesquisadores.

(Texto publicado originalmente na Revista Delboni Auriemo. Você pode fazer o download para iPad neste link (http://bit.ly/XIXQER) ou retirar sua versão impressa em qualquer Unidade de Atendimento do Delboni (http://bit.ly/XIXNc2).)

Rastreador de bactérias

Entenda como um exame que demorava semanas para ter seu resultado passou a ser feito em apenas alguns minutos

delboni-tunel-corte

O método clássico de identificação de bactérias e fungos é a cultura. Nessa técnica, os agentes patogênicos são cultivados em meio adequado para, após o crescimento, serem submetidos a testes de identificação. O problema é que uma cultura, a depender do patógeno, pode demorar várias semanas para se obter a identificação – um tempo por vezes de importância vital, em casos de fortes infecções.
Leia Mais