Rastreador de bactérias

Entenda como um exame que demorava semanas para ter seu resultado passou a ser feito em apenas alguns minutos

delboni-tunel-corte

O método clássico de identificação de bactérias e fungos é a cultura. Nessa técnica, os agentes patogênicos são cultivados em meio adequado para, após o crescimento, serem submetidos a testes de identificação. O problema é que uma cultura, a depender do patógeno, pode demorar várias semanas para se obter a identificação – um tempo por vezes de importância vital, em casos de fortes infecções.

Mas o desenvolvimento das ciências gerou a espectrometria de massas, um conjunto de métodos capaz de identificar moléculas em uma amostra. Hoje você tem acesso aos resultados desse exame, na área da Microbiologia, em 24 horas, o que significa menos tempo de hospitalização, tratamento mais preciso e menos efeitos colaterais.

“Com a utilização dessa técnica, há uma redução potencial de 24 horas ou mais no acesso do paciente e médico ao resultado. A cultura convencional continua tendo a sua utilização, porém potencializada pelo uso dessa inovação”, explica nosso Diretor de Análises Clínicas, Dr. Cláudio Pereira. Na metodologia Maldi-TOF, a mais moderna, a espectrometria de massas pode ter resultados de identificação em poucos minutos. É o futuro da medicina diagnóstica acontecendo na sua frente!

Nos últimos anos, variantes da espectrometria de massas tem sido utilizadas para a identificação de elementos químicos no sangue, para a quantificação de hormônios e também para a identificação de bactérias e fungos.

A evolução da técnica é tão importante para a área de saúde que rendeu cinco prêmios Nobel aos principais pesquisadores envolvidos nesse desenvolvimento: J. J. Thomson (Nobel de Física de 1906), Francis Aston (Nobel de Química de 1922), Ernest Lawrence (Nobel de Física de 1939), Wolgang Paul (Nobel de Física de 1989) e a dupla John Fenn e Koichi Tanaka (Nobel de Química de 2002).

Esta tecnologia já está disponível no Delboni.

(Texto publicado originalmente na Revista Delboni Auriemo. Você pode fazer o download para iPad neste link (http://bit.ly/XIXQER) ou retirar sua versão impressa em qualquer Unidade de Atendimento do Delboni (http://bit.ly/XIXNc2).)

Tags:, , , , , , ,