Desistir da academia depois de três meses. Quem nunca?

Descubra as modalidades perfeitas para quem quer se exercitar longe da malhação.

Corte06

De acordo com pesquisa realizada pela Associação Brasileira de Academias, aproximadamente 60% das pessoas que se matriculam em academias desistem nos primeiros 45 dias. Segundo o mesmo levantamento, os motivos que levam a isso são os mais diversos, destacando-se como principais a falta de atenção dos professores e a vergonha do próprio corpo.

Diante desses fatores, modalidades alternativas de exercício físico tem se propagado rapidamente. Cada uma delas com características diferentes, mas todas com o mesmo objetivo: fugir do lugar comum e aliar bem-estar com resultados.

Ballet Fitness

Afastada das aulas de ballet clássico por conta de uma lesão do tornozelo, a bailarina Betina Dantas resolveu adaptar alguns movimentos da dança à sua nova rotina para não perder a forma.

Com o passar dos anos, Betina – que além de formada pela Royal Academy of Dance, também é educadora física – foi aperfeiçoando seu método até chegar à fórmula do Ballet Fitness.

Ao combinar passos de ballet clássico com exercícios como agachamentos, abdominais e flexões feitos na barra e no chão, o Ballet Fitness possibilita a queima de até 700 calorias em apenas meia hora de aula.

Em relação ao formato mais tradicional da dança, seu grande diferencial é o aumento do número de repetições dos passos e do tempo de isometria e sustentação muscular dos exercícios, o que tonifica e delineia o corpo, além de trabalhar postura, equilíbrio e consciência corporal.

Para começar a praticar o Ballet Fitness, é recomendável ter uma base mínima de ballet clássico. Uma opção para quem nunca dançou na vida, mas tem interesse no exercício, é fazer ao menos um mês de aula de ballet para iniciantes antes de começar a modalidade fitness.

Crossfit

Foi com o objetivo de combinar a melhor parte de diversos esportes que Greg Glassman criou o Crossfit, um treino que mistura levantamento de peso, movimentos de ginástica olímpica e atividades aeróbicas como correr e pular corda, com uma intensidade típica dos treinos militares norte-americanos.

O resultado dessa fusão é um treino intenso e de resultados rápidos que tem conquistado cada vez mais adeptos. “O que me atraiu no Crossfit foi a filosofia de se desafiar a todo momento e o fato de que, apesar de ter alguns movimentos básicos, o treino nunca é repetitivo”, conta Mário Augusto, 29 anos, que nunca havia conseguido passar mais de dois meses em uma academia convencional, mas que já treina Crossfit há quase um ano.

Para ele, que conseguiu eliminar 20 quilos só com o treino, uma das coisas mais legais do Crossfit é que as academias não possuem espelhos, indicativo de que, muito mais do que a aparência, o objetivo ali é se superar a cada treino.

Os pesos e repetições são adaptados de acordo com o condicionamento físico do praticante, dessa forma, mesmo quem tem uma vida completamente sedentária pode começar a praticar o Crossfit. O segredo é respeitar os limites do próprio corpo e ir progredindo aos poucos.

Zumba

Exercitar-se pode ser uma grande festa. Esta é a proposta por trás da Zumba, dança que nasceu da fusão de vários ritmos latinos como rumba e salsa e que, em pouquíssimo tempo, tornou-se um fenômeno mundial.

Criada pelo colombiano Beto Perez, a Zumba alia movimentos corporais rápidos com músicas alegres que deixam o astral de qualquer um lá em cima, proporcionando condicionamento físico, flexibilidade e a queima de até 1.000 calorias em uma hora de aula.

Atualmente, estima-se que já existam mais de 14 milhões de pessoas em mais de 180 países praticando a modalidade, que conta com turmas especiais para idosos e crianças, além de possuir um formato aquático que mescla a dança com movimentos típicos da hidroginástica.

Para praticar Zumba não é necessário qualquer preparo anterior, apenas vontade de se deixar levar pelo ritmo contagiante da modalidade.

Aquecer e alongar

Você sabe quando escolher cada uma destas práticas?

delboni-alongamento-corte

Alongamento e aquecimento são atividades há muito incorporadas na rotina de quem pratica exercícios físicos regularmente. Mas você sabe bem o que é cada coisa, para que servem e que cuidados devemos ter na execução dessas atividades?
Leia Mais